sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Nenhuma empresa apresenta propostas para realizar a Abertura da Temporada de Piratuba

Entidade responsável garante que o evento será realizado

Nenhuma empresa apresentou proposta para realizar a tradicional Abertura da Temporada de Verão de Piratuba. O evento, previsto para acontecer no dia 02 de dezembro, é de responsabilidade da Associação Beneficente Piratuba/Ipira (Hospital). O edital previa que o lance mínimo para os interessados em organizar a festa, era de R$ 60 mil. A direção do Hospital já informou que, em função da chamada pública não ter interessados, a entidade fará uma contratação direta para que o evento aconteça.

Um projeto de Lei, aprovado pela Câmara de vereadores no dia 17 de outubro, repassou o evento para o Hospital. Desta forma a entidade tem autonomia para realizar ou terceirizar a organização da Abertura. “Assim que nos repassaram o evento, já lançamos o edital de Pregão Presencial, ou seja, no dia seguinte iniciamos o processo para dar agilidade. O objetivo do Pregão é a transparência ao processo e oportunizar que empresas apresentassem propostas, ou seja, não tínhamos interesse de negociar direto”, explica o presidente da Associação Beneficente, José Luiz Fontanella. “O valor do edital deste ano é metade do que a empresa que realizou ano passado pagou. Como não houve interessados, vamos fazer uma contratação direta. Já há empresas fazendo contato e vamos negociar. Acredito que na próxima semana já tenhamos a definição”, adianta ele.

Este é o terceiro ano que a Prefeitura repassa o evento para o Hospital. Um dos responsáveis pela organização da festa do ano passado, Marcelo Gonçalves, acredita que a falta de interessados se deu em função do valor e tempo. “Agora fica difícil contratar bandas e toda a estrutura, o tempo é curto e aí o custo é maior. Acredito que o valor do edital também seja um dos motivos para que as empresas não entregassem propostas”, comenta

Fonte: Cristiano Mortari - Jornal Comunidade - Magronada
Foto: Arquivo 2014 - Cristiano Mortari - Jornal Comunidade



Nenhum comentário:

Postar um comentário