quinta-feira, 7 de junho de 2018

Entidades definem criação de documento com prioridades da Amauc

A região do Alto Uruguai Catariense terá um documento único com as reivindicações de boa parte das entidades representativas, que atuam nos municípios. Na tarde da terça-feira, dia cinco, aconteceu a primeira reunião coletiva com as instituições participantes para apresentação dessa proposta desse caderno de intenções. O encontro, que reuniu presidentes de entidades de classe, ocorreu na tarde da terça-feira, dia cinco, no auditório da sede da Associação dos Municípios do Alto Uruguai Catarinense.
Na ocasião, a UnC Concórdia e a Amauc apresentaram as diretrizes que vão nortear a confecção desse documento para os representantes. As entidades participantes vão debater internamento e apresentar as demandas dentro dos seguintes eixos temáticos: Educação, Desenvolvimento Rural, Desenvolvimento Urbano, Infraestrutura, Saúde e Segurança, além de um tema livre, se necessário. O prazo para a entrega dessas sugestões, através de um formulário, vai até o dia 20 desse mês.
As respostas dos formulários serão compiladas em um único documento, sob a coordenação do Curso de Direito da UnC. A intenção é fazer com que essas informações façam parte de um caderno, nos formatos impresso e digital, que será enviado para os diretórios dos partidos políticos de toda a região, para a divulgação junto aos candidatos a cargos eletivos, tanto no Legislativo, como no Executivo, estadual e federal.
A diretora de Campus da UnC Concórdia, Cristiane Zuchi, destaca que "o objetivo é fazer um levantamento das demandas emergentes do Alto Uruguai, já que é um ano muito importante para o país. Um ano de eleição". A Amauc é uma região forte economicamente de de grande representatividade. Essa afirmação também é compartilhada pelo presidente da Amauc e prefeito de Seara, Edmilson Canalle. Completa que o objetivo não é pensar só num municípios, mas pensar em todos. "Pensar em projetos e documentos para os futuros governantes, pensando também no Oeste Catarinense", acrescenta.
Além da elaboração desse caderno de prioridades do Alto Uruguai Catarinense, o objetivo é realizar uma série de encontro com os candidatos a cargos eletivos, para apresentar esses pleitos da região, a serem levantados pelas entidades.
Fonte: Jocimar Soares - Rádio Aliança

Nenhum comentário:

Postar um comentário