sábado, 20 de abril de 2019

Apreensão de drogas e outras quatro ocorrências movimentaram o setor policial de Capinzal

Cinco ocorrências foram registradas pela Polícia Militar de Capinzal na noite de sexta-feira (19) e madrugada deste sábado (20).

Por volta das 20h a guarnição foi acionada para verificar uma queda de motocicleta na SC-150, perímetro da Polícia Rodoviária Estadual, a fim de constatar a necessidade do deslocamento desta.

O condutor apresentava sinais de embriaguez. O Corpo de Bombeiro se fez presente no local e informou que não havia lesões corporais no condutor.

Por volta das 22h10 foi acionada a guarnição para verificar denúncia de uma residência com som excessivamente alto.

Chegando ao local foi constatada a perturbação, conversado com o senhor I. A. O., proprietário da residência e do aparelho de som, onde o mesmo foi orientado acerca dos procedimentos e advertido quanto a novas solicitações dos ofendidos via central de emergência, que então seria recolhido o aparelho causador da perturbação, assim ele se comprometeu em reduzir e desligar o som. O homem apresentava sinais de embriaguez.

Por volta das 23h30 uma ocorrência de violação de domicílio. No local foi conversado com Sra. M. L. D., ela relatou que escutou barulho em uma das janelas de sua residência, além de avistar a luz de uma lanterna, posteriormente ligou para Polícia Militar.

Diante dos fatos foi feito o levantamento fotográfico e confeccionado o presente boletim de ocorrência.

Por volta da 00h30 os militares fizeram apreensão de drogas. A guarnição em rondas pelo loteamento Parque Outeiro do Sol visualizou dois masculinos em atitude suspeita, eles estavam sentados com olhos vermelhos e olharam amedrontados para a guarnição.

Diante da atitude foi feita a abordagem e identificado um dos masculinos como sendo J. V. e o outro E. M. Em busca pessoal foi encontrado com a dupla, dentro da carteira de documentos, cerca de 4,6 gramas de substância semelhante a maconha e 1,0 gramas de substância semelhante a maconha.

Questionados quanto a origem e propriedade das substâncias encontradas, informaram serem usuários e que a droga era para consumo pessoal.

Diante dos fatos e do compromisso de comparecerem em juízo, a guarnição lavrou o TC com data e horário marcados para audiência, apreendida a substância ilícita e após o término dos procedimentos os envolvidos foram liberados no local.

Por volta da 00h50 a guarnição policial foi acionada para verificar denúncia que teriam jogado pedras em um veículo. Chegando ao local foi conversado com o senhor A. R., onde mostrou o veículo VW/Fusca, que teria sido alvo das pedradas.

O veículo, já bastante avariado pelo tempo, apresentava um amassado na lataria do teto, de tamanho considerável, que poderia ter sido feito por uma pedra. Havia várias pedras ao redor do veículo, mas não era possível afirmar que uma delas seria a causadora do dano.

A. R. afirmou ter ouvido o barulho da pedra batendo na lataria do veículo e outras acertando o telhado da casa. Não havia danos aparentes no telhado, a guarnição realizou rondas, mas não encontrou nenhum suspeito nas proximidades.

Diante dos fatos foi confeccionado o boletim e orientado a vítima.

Fonte: Rádio Capinzal





Nenhum comentário:

Postar um comentário