segunda-feira, 27 de abril de 2020

Ação voluntária intensifica a produção de equipamentos de proteção para cidades do Integrar

O som das máquinas e o ritmo de corte dos tecidos são o primeiro sinal de que a produção acelera para garantir a proteção de profissionais de saúde na batalha contra o coronavírus.

O trabalho é voluntário e o resultado já começa a aparecer, com a entrega dos primeiros lotes de máscaras e aventais produzidos por um grupo de mulheres, que fazem parte do projeto Tecer Modas, Associação da Mulher Ipirense – AMI, técnicas da Epagri e voluntárias.

Desde que a atividade foi posta em prática, no início do mês, 1500 unidades de máscaras e um grande número de aventais descartáveis já chegaram em órgãos públicos da região do Integrar.

A Secretaria de Saúde de Piratuba é um dos setores beneficiados com confecção. Segundo a coordenadora do Integrar, Irmgard Maristela Strauss, que é gestora das atividades, a produção não gera retorno financeiro, já que tudo é feito forma colaborativa, com mão-de-obra voluntária e doação de materiais pelo setor público dos municípios da região do Integrar, que envolve os municípios de Alto Bela Vista, Ipira, Peritiba e Piratuba.

Ernoy Mattiello


Nenhum comentário:

Postar um comentário