quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

Prefeito eleito de Crissiumal vai abrir mão do salário

O prefeito eleito de Crissiumal, na região Noroeste do Rio Grande do Sul, Marco Aurélio Nedel  (Podemos), anunciou que vai abrir mão do salário e irá comandar o município pelos próximos quatro anos, de forma voluntária. Além disso, sua esposa Vera Lúcia Nedel assumirá a secretaria de Assistência Social e, igualmente, abrirá mão do salário e comandará a pasta sem receber pagamentos.

Segundo Nedel, desde o momento em que decidiu concorrer ao Executivo decidiu trabalhar de forma voluntária. “Eu e minha esposa estamos aposentados e nunca atuamos na vida política. Decidimos que, caso vencesse, realizaríamos um trabalho sem receber salários e de forma totalmente voluntária”, observa.

Essa é a primeira vez na história do município com 13,5 mil habitantes que um prefeito abre mão de receber seus vencimentos. Nos quatro anos de mandato, a decisão do prefeito e da primeira dama trabalhar voluntariamente vai garantir uma economia de R$ 1,2 milhão aos cofres do município.

Eleito aos 65 anos de idade, Nedel é auditor da receita federal aposentado e por dez anos trabalhou de forma voluntária na área de gestão hospitalar. Ele também é empreendedor e instalou em Crissiumal, sua terra natal, o maior empreendimento privado da história do município, quando construiu uma usina hidrelétrica (PCH) na cidade.

Nedel disse que sua gestão vai atuar forte no desenvolvimento econômico e social do município. “No ano de 1960 tínhamos 22,56 mil habitantes e a população caiu para pouco mais da metade e nós precisamos garantir oportunidades de trabalho, de geração de empregos na cidade e no campo, fortalecendo Crissiumal como um todo”, disse.

Uma das metas, segundo Nedel, é atrair para o município um frigorífico de frangos. “Temos um povo trabalhador e muitos agricultores querem criar aves e por isso a instalação de um frigorífico é muito importante”, avalia.

Marco Aurélio Nedel anunciou, ainda, que vai reduzir de nove para seis o número de secretarias. O prefeito eleito afirmou que Crissiumal tem um dos maiores territórios da região Noroeste do Estado e que isso contribuí para que o município melhore seu setor produtivo e encontre novas matrizes produtivas, já que atualmente a indústria do município está limitada ao setor de calçados e móveis.

Fonte: Correio do Povo

Foto: Guia Crissiumal


Um comentário:

Procure sua notícia