sexta-feira, 23 de outubro de 2020

Neri Miqueloto (PSD) e Evandro Neis (MDB) renunciam candidaturas e coligação anunciará novos nomes em Ouro

Durante reunião nesta sexta-feira (23) a coligação “Ouro no Caminho Certo” decidiu em consenso pela renúncia das candidaturas de Neri Luiz Miqueloto (PSD) e Evandro Marcelo Neis (MDB) aos cargos de prefeito e vice, respectivamente. A informação foi confirmada à reportagem da Radio Capinzal pela assessoria da campanha.

Miqueloto teve o registro barrado por encontrar-se inelegível, uma vez que foi condenado nos autos de Ação Penal – Procedimento Ordinário n. 9137856-82.2015.8.24.0000, do Tribunal de Justiça de Santa Catarina - pelo cometimento do crime de corrupção passiva, previsto no art. 317, § 1º do Código Penal (por duas vezes) e do crime de fraude à licitação, previsto no art. 90 da Lei n. 8.666/93, perpetrados nos anos de 2010 a 2012

Logo após o anúncio da decisão do Juiz Stefan Moreno Schoenawa na sexta-feira, dia 16, a coligação informou que iria recorrer nas esferas estadual e federal. Porém, como não saiu o resultado em Brasília e, para não comprometer o grupo, foi decidido pela renúncia de Miqueloto e Neis à majoritária.

O mesmo ocorreu com Rodrigo José Neis, candidato a vereador, que também encontra-se inelegível, uma vez que foi condenado nos autos da Ação Penal n. 9137856- 82.2015.8.24.0000, do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, pelo cometimento do crime de corrupção passiva, previsto no art. 317, caput, do Código Penal.

A assessoria da campanha informou ainda que existem nomes contados para disputar os cargos, mas que o anúncio será feito somente após uma nova reunião agendada para este sábado (24). O prazo de substituição de candidatos finda no dia 26 de outubro. 

Fonte: Rádio Capinzal



Nenhum comentário:

Postar um comentário