quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Delegada conta detalhes do homicídio em Capinzal

A delegada da Polícia Civil de Capinzal, Fernanda Gehlen da Silva, contou detalhes sobre o homicídio de Cristiano da Silva Ribeiro, que ocorreu no sábado, dia 02. Ela concedeu uma entrevista para a Rádio Barriga Verde.

Ainda na quarta-feira, dia 06, a Polícia Civil cumpriu três mandados de prisão, dois de busca domiciliar em Capinzal e um em Herval d’ Oeste. Foram presos pai, filho e sobrinho. Eles são os principais suspeitos do homicídio. O trio foi conduzido ao Presídio Regional de Joaçaba.

“Foi apurado que momentos antes da morte, ocorreu uma briga envolvendo Cristiano e um outro rapaz, que é desafeto dele, com quem já possuía intriga antiga, nesta confusão acabaram duas pessoas feridas levemente. Em seguida, o jovem fugiu, pelo que se apurou, ele foi perseguido pelos três suspeitos, em que foi atacado e mortalmente ferido” disse a delegada

“O exame pericial cadavérico atestou ferimentos por arma de fogo nas duas pernas, ferimento na região cervical provocado por um instrumento perfurocortante, que seccionou as veias, artérias, ocasionando o óbito por choque hipovolêmico” contou a delegada.



Nenhum comentário:

Postar um comentário