49 9 9809 3455

49 9 9113 9761

Mídia Integrada

Piratuba, Ipira, Capinzal, Ouro, Zortéa, Peritiba, Alto Bela Vista






quarta-feira, 15 de junho de 2022

Operação “Machado de Prata” é deflagrada em Machadinho

Postado por:   Data: Pinterest

Foi deflagrada na manhã de terça-feira, dia 14, pela Polícia Civil, com apoio da Brigada Militar, a Operação “Machado de Prata”, em Machadinho, no Rio Grande do Sul. Ela teve objetivo de elucidar uma tentativa de homicídio no dia 21 de maio na cidade. A operação também aconteceu em outros dois municípios. Roupas usadas no dia do crime e celulares foram apreendidos. 
 
Conforme dados da investigação, um grupo de cinco criminosos armados efetuou diversos disparos de arma de fogo contra um homem de 25 anos, proprietário de um bar, em Machadinho. Ele ficou ferido região da face e em um dos ombros. Por erro de execução, um dos disparos acabou atingindo o pé de um cliente de 48 anos. Os homens atingidos foram socorridos e levados para o Hospital Beneficente São João de Sananduva. Os criminosos fugiram em uma VW/Parati, com placas de Nova Prata, em direção à Lagoa Vermelha. 
 
Após o crime, a Brigada Militar passou a fazer buscas pelos autores. Um suspeito de 16 anos foi abordado em Lagoa Vermelha. No município, o carro utilizado no crime foi encontrado abandonado em frente a um motel, o automóvel estava no nome do pai do adolescente, que reside em Nova Prata.  
 
Durante as investigações, verificou-se que o alvo dos criminosos tem um relacionamento com a ex-companheira de um apenado do Presídio de Caxias do Sul, que é de uma facção que atua no Estado. Mesmo separado, ele teria ordenado a execução do proprietário do bar. Os executores e subordinados ao apenado, seriam de Nova Prata e pelo menos um deles, o adolescente abordado em Lagoa Vermelha, também integra o núcleo da facção que é liderado pelo preso investigado.  
 
Na terça-feira, dia 14, 19 policiais civis e dois militares deram cumprimento a sete ordens judiciais de busca e apreensão em residências em Machadinho e Nova Prata, no Presídio de Caxias do Sul, em que o principal suspeito está recolhido. Na ação, foi apreendido roupas que os autores usaram no crime e celulares que serão usados para demais investigações.

Bernardo Souza


Foto: Polícia Civil

Nenhum comentário:
Write Comments

Postagens mais visitadas

Portal Magronada - https://magronada.com.br